A história da humanidade revela, claramente, que nenhuma sociedade se torna bem sucedida se não favorecer, em todas as áreas da convivência humana, o respeito à diversidade. Assim sendo, a educação tem papel fundamental na sociedade. A escola é o espaço que deve favorecer aos futuros cidadãos o acesso ao conhecimento e o desenvolvimento de competências.

Nesse contexto, a Orientação Educacional atende os alunos que precisam e querem orientação pessoal, não só na vida escolar, mas na vida particular, auxílio em situações, problemas, dúvidas e inseguranças (caráter confidencial).

A Orientação Educacional se volta, também,  para os alunos que apresentam dificuldades de estudo ou de comportamento, encaminhando-os para uma assistência especializada.

O orientador educacional assume, portanto, um papel de grande importância e responsabilidade dentro da escola, pautado por um severo comportamento ético, já que atua em meio à uma multiplicidade de interações (alunos, professores, equipe).